Cachorro sem comer: o que pode ser e o que fazer?

Cachorro sem comer

Alguns sinais podem indicar que a saúde do seu bichinho não está tão bem. Um deles é a falta de fome. Confira mais detalhes sobre esse fenômeno e o que você pode fazer!

Ser tutor de um pet é uma tarefa que exige disciplina e cuidado, mas que também é muito gratificante. É preciso ter orientações qualificadas para cuidar do seu bichinho de maneira adequada.

Alguns sinais podem indicar que o seu cachorro não está tão bem. Um deles é a falta de apetite. Ao comprar ração para cachorro, você tem notado o seu cachorro apático e sem fome? Veja alguns possíveis resultados e o que você pode fazer para interromper esse problema.

O que pode ser

Uma dieta equilibrada é fundamental para manter a saúde de um organismo, incluindo o dos cães. É a partir da alimentação que se obtém nutrientes e se repõe energia, por exemplo. Por isso, a falta de apetite é um sinal que precisa de cuidados.

Alguns fatores que podem reduzir o apetite do seu bichinho são: estresse intenso, ansiedade de separação e mudança de rotina ou de ambiente. Dias muito quentes também costumam reduzir o apetite deles. 

Vale dizer que algumas raças de cachorros apresentam o apetite seletivo, processo em que ele escolhe mais o alimento que deseja ingerir e ocorre mais frequentemente em cães acostumados a comer outros alimentos diferentes da ração. 

Por isso, é preciso muito cuidado ao dar petiscos ao seu pet (sejam eles naturais ou industrializados), pois isso pode estimulá-lo a não querer mais comer ração — o que é prejudicial para a sua saúde.

Contudo, esse também pode ser um sinal de problemas de saúde, como doenças causadas por vírus, fungos ou bactérias, além de gastrite, obstrução intestinal, doença de carrapato, torção gástrica ou algum tipo de dor intensa. Se essas forem as causas, a falta de apetite pode ser acompanhada por outros sinais como diarreia, febre e a rejeição a qualquer comida e água.

O que fazer

Um primeiro passo importante é definir as situações em que o seu cachorro vai ganhar petisco. Contudo, é importante ter cuidado para que ele não pense que será recompensado sempre que não quiser comer — o que pode estimulá-lo a ingerir ainda menos ração. 

Além disso, assim como ocorre com adultos, os pets precisam ter horários bem estabelecidos para as refeições — isso os ajuda a criar uma rotina e evitar que eles fiquem parados em frente ao pote de ração, sem entender que aquela é hora de comer.

Se a causa da falta de apetite não for alguma doença, existem algumas medidas simples para melhorar o apetite do seu cãozinho, tais como brincar com ele e dar atenção, usar brinquedos interativos com dispenser para petiscos (lembrando de nunca dá-los em excesso), misturar sachê para cães na ração seca e levá-lo para passear antes das refeições. 

Não se esqueça de verificar se a comida está sendo armazenada de forma correta e encontre novos jeitos de armazená-la ao constatar que esse processo está sendo feito de forma equivocada. Também mantenha o local em que ele se alimenta sempre limpo.

Uma pergunta básica para tutores que estão enfrentando esse problema é: qual é o tempo máximo pelo qual um cachorro pode ficar sem comer? Esse tempo é de até dois dias para cães em idade adulta. Para filhotes, não é recomendado deixá-los sem comer durante um dia inteiro.

Ao perceber que seu cão está há pelo menos 24 horas sem comer e apresentando mudanças de comportamento, é recomendado levá-lo a um veterinário para uma avaliação mais detalhada. No consultório, o profissional poderá solicitar exames laboratoriais que são decisivos para dar um diagnóstico preciso.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe um comentário